Vereador Dankar homenageia poetas e poetisas em alusão ao Dia Nacional da Poesia

por Juliana Queiroz publicado 01/11/2018 13h08, última modificação 01/11/2018 13h08

A pedido do vereador Mamed Dankar (PT) a Câmara de Rio Branco homenageou na quarta-feira, 31, com uma Moção de Aplauso e Congratulação, a Academia dos Poetas Acreanos (Apa), em alusão ao Dia Nacional da Poesia, celebrado na data de ontem.

Em seu discurso, Dankar falou sobre a alegria de reconhecer o trabalho realizado pelos poetas e poetisas do Estado do Acre. “Fico feliz em homenagear pessoas que representam e contribuem positivamente a sociedade acreana através da poesia, que em uma centelha divina podem escrever sentimentos, sejam eles quais forem. Diria que a poesia veio para resgatar um pouco da delicadeza, do sentimento e do amor que temos dentro de nós, mas que as pessoas ultimamente têm mantido estocadas no fundo da alma e não deixam mais transbordar”.

Representando a Apa, o vice-presidente José do Carmo destacou sobre o papel que o poeta exerce nos dias atuais. “São tempos de crise, onde vemos um crescente aumento da violência. Temos consciência do papel que nossa academia exerce no fortalecimento de uma sociedade mais justa e coesa, sem elevados índices de criminalidade. Nesse sentido, em nome do presidente da Apa, Renã Leite Pontes, agradeço a Casa pela homenagem”, disse.

Além da Academia dos Poetas Acreanos, foram homenageados também Mauro Dávila Modesto e Edir Figueira Marques, presidente e vice-presidente da Federação das Academias de Letras e Artes do Acre, respectivamente, bem como a poetisa Antonia Devanilde Pereira.

Ao fazer uso da fala, o poeta Mauro Modesto, que recebeu uma medalha em agradecimento ao trabalho desenvolvido no Acre, lembrou que essa foi a primeira homenagem recebida no Estado. Emocionado, ele agradeceu ao vereador Dankar pela sensibilidade em homenageá-lo.

“Mais do que receber uma homenagem ou uma medalha, que também valorizam o nosso trabalho, o que mais vale é saber que por trás disso está o esforço que o contista ou o poeta fazem na arte de escrever e colocar em uma folha em branco a sua alma. Então esse reconhecimento é um combustível que alimenta o motor da criação. Agradeço imensamente esta homenagem, que foi a primeira que recebi nos meus 74 anos de vida e mais de 40 anos de profissão”, finalizou.

Dia Nacional da Poesia

O Dia Nacional da Poesia é comemorado oficialmente em 31 de outubro no Brasil. A data foi criada em homenagem ao poeta Carlos Drummond de Andrade, um dos principais nomes da literatura brasileira, sendo oficializada através da lei nº 13.131, de 3 de junho de 2015, por sugestão do senador Álvaro Dias do PSDB do Paraná.

O dia 31 de outubro remete a data de nascimento de Drummond de Andrade, conhecido por ser um dos principais nomes da segunda geração do Modernismo brasileiro. A data, além de homenagear os poetas em geral, também serve para lembrar da riqueza e importância cultural que a arte poética representa.

 

Assessoria 

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.