Câmara Municipal aprova projeto de lei que regulamenta o transporte por aplicativos

por julianaqueiroz — publicado 13/07/2018 14h42, última modificação 13/07/2018 14h42

Foi na manhã desta última quinta-feira, 12, que a Câmara Municipal de Rio aprovou o projeto de lei que dispõe sobre a regulamentação da prestação do serviço de transporte remunerado privado individual de passageiros por meio de aplicativo ou outra tecnologia de comunicação em rede no Município de Rio Branco.

Os vereadores da Casa Legislativa se reuniram com as categorias dos taxistas, mototaxistas e a Associação dos Motoristas Autônomos de Aplicativos do Acre, para  que se pudesse entrar em acordo e assim aprovação favorece todas as categorias.

O projeto de lei de autoria do Executivo foi aprovado por unanimidade, de acordo com o relator, vereador Rodrigo Forneck (PT), era necessário uma atitude democrática para que ocorresse entendimento entre as categorias. "Como relator da matéria, corri atrás pra incluir os motoristas da Uber e demais aplicativos nas conversas sobre a regulamentação municipal, não seria democrático ignorar um serviço que é bem avaliado pelo povo e que, em tempos de crise, serve pra complementar a renda familiar dos trabalhadores.

Durante a aprovação ocorrida na Ordem do Dia no plenário da Câmara os trabalhadores das classes que trabalham com passageiros se fizeram presente na galeria para poder acompanhar detalhes da votação.

"A seriedade e a transparência do processo contribuíram e muito pro amadurecimento das relações entre as categorias envolvidas, tanto que chegamos a um equilíbrio de interesses. Agradeço à prefeita Socorro Neri por nos apresentar a uma proposta bem construída e inclusiva. Agradeço também aos colegas vereadores por se dedicarem à solução mais justa possível", encerrou Rodrigo Forneck.

 

Juliana Queiroz / Ascom - CMRB

Fotos: Luíz Moura

 

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.