Ato solene marca início de atividades do Programa Municipal de Segurança Aquática

por Juliana Queiroz publicado 16/08/2018 18h16, última modificação 16/08/2018 18h16

Atendendo a requerimento da vereadora Elzinha Mendonça (PDT), a Câmara de Vereadores realizou, nesta quinta-feira, 16, Ato Solene que marca o início das atividades do “Programa Municipal de Segurança Aquática”, em Rio Branco.

O Programa é fruto da Lei de número 2.270 – sancionada em 2017-, de autoria da vereadora Elzinha Mendonça, e tem o objetivo de trazer ações de divulgação e prevenção que tragam segurança a banhistas e praticantes de atividades aquáticas nos rios, igarapés, açudes e em locais com piscinas e similares.

“Hoje é o pontapé inicial da Lei, de nossa autoria, do Programa Municipal de Segurança Aquática. No ano passado a lei foi aprovada e hoje nós começamos as atividades que fazem valer a medida e trazer, através de diversas ações que faremos na próxima semana, para garantir mais segurança a nossa população e tentar minimizar e até mesmo evitar o número de óbitos decorrentes de afogamentos”, disse a vereadora.

A preocupação é devido ao número de acidentes serem crescentes. Só neste ano, já foram registradas 45 mortes por afogamento, no estado, 15 delas em Rio Branco, de acordo com dados do Corpo de Bombeiros.

Os responsáveis por desenvolverem as atividades são a Defesa Civil Municipal e Corpo de Bombeiros do Acre (CBMAC). Neste ano, serão entregues material educativo, por meio de folders, palestras em escolas, encontro com proprietários de balneários, palestras, inclusive, para condutores de embarcações e simulação para banhistas de como prestar socorro, em caso de afogamento.

“Nós vamos fazer estas atividades para levar as informações necessárias para a comunidade para que se evite esses acidentes no ambiente aquático. Neste ano de 2018, infelizmente já temos um nível alto de acidentes, e não é diferente dos outros anos. Nesse momento, com o projeto aprovado, vamos intensificar as ações de conscientização que fazemos ao longo do ano”, explica o major Claudio Falcão do Corpo de Bombeiros.

O coronel George Santos também participou do ato e afirmou que é uma iniciativa importante da Vereadora Elzinha Mendonça em estabelecer essa legislação para aperfeiçoar o trabalho que é feito pelo CBMAC.

“A Lei vem trazer uma maior efetividade, no sentido de ampliar com a realização de palestras, contato com as pessoas que utilizam o meio aquático para o lazer. Então a prevenção é tentar reduzir esses acidentes tornando as pessoas mais conscientes”, conclui George.

 

Assessoria

Fotos: Luiz Moura

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.